Pular para o conteúdo principal

Decisões





Aonde você irá? Para a vida com Deus ou a morte longe dele?
Quem sabe onde fica o ponto mais alto entre as nascentes dos rios São Francisco e Paraná? Quando a chuva cai naquele lugar, as águas descem ou para o norte ou para o sul. Formam córregos, descendo ao norte para o São Francisco e daí para o Oceano Atlântico, e ao sul formando o Paraná, que vai desaguar no mesmo mar, mas a centenas de quilômetros no sentido oposto, fora do Brasil. As águas não têm como escolher pra onde ir, mas nós temos – e nossas decisões podem levar-nos para direções muito diferentes. Muitas são corriqueiras, outras são determinativas. Em Deuteronômio 30.11-16 lemos o desafio final de Moisés ao povo de Israel no limiar da Terra Prometida, depois de quarenta anos de peregrinação pelo deserto. Pela morte ele deixaria a liderança de Israel e previa , por um lado, vitórias e felicidade, por outro, derrotas e morte. Ele conhecia a fraqueza do povo diante de obstáculos. Desejava preparar todos para encararem a realidade: seriam tentados pelas culturas pagãs dos outros povos e poderiam sofrer derrotas. Moisés refletia o coração de Deus, desejando o melhor para o seu povo e visando ao seu papel na vinda do Messias. Desafiou todos a tomarem uma posição firme de amar a Deus sobre todas as coisas. Só assim teriam o êxito que todos esperavam.
Para você hoje o êxito também depende da sua tomada de posição. Judas iscariotes foi colocado por Jesus no grupos dos seus discípulos. Porém, seu fim revela que ele nunca foi um seguidor autêntico de Cristo. Acabou entregando-se a Satanás para trair seu mestre. Vendo que Jesus morreria, suicidou-se – trágico resultado final de escolher mal a quem servir. Hoje é o dia de escolher Cristo para reconciliar-se com Deus: “Agora é o dia da salvação!” (2Co 6.2) Para o cristão, hoje é o tempo ideal para resolver cumprir a vontade de Deus, dedicando-se mais à leitura e estudo da Bíblia e à oração. E não restam dúvidas: Deus garante êxito!
Fonte: Pão Diário

Comentários

A Santa Jerusalém – Artigos Religiosos
Tem o orgulho de apresentar o segundo capítulo do nosso documentário, aproveitem! www.santajerusalem.com
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=D79ze4KN20A

Postagens mais visitadas deste blog

Discipulado (Parte I) - Paulo Junior || Escola Obreiro Aprovado (Aula 10)

O Pr Paulo Junior é usado por Deus nesse vídeo com uma linguagem simples e com muita humildade nos ensina a Palavra de Deus. Recomendamos com muito carinho.
Discípulo é um aprendiz de Cristo.




Oswald Jeffray Smith (1890-1986)

"Resolvi publicar essa biografia para conhecermos um pouco de nossa história recente, esse homem foi um dos maiores missionários americanos, viajou por mais de 80 países pregando a palavra de Deus, leia e aprenda com esse grande homem de Deus."
O canadense Oswald Jeffray Smith (1890-1986), filhos de Benjamin (um telegrafo da estrada de ferro) e a Alice Smith, em Odessa, Ontário, em 1889, o mais velho de dez crianças. A conversão de Smith ocorreu ao assistir a uma cruzada evangelística de R.A. Torrey e Charles Alexander, quando tinha dezesseis anos. Smith não teve uma infância saudável e não esperada sobreviver a sua adolescência. Esta saúde pobre afetou diretamente seus planos de missões trans-culturais da igreja Presbiteriana, que foram rejeitadas inicialmente. Preparou-se para o ministério e foi ordenado pastor presbiteriano. Seu desejo era dedicar-se à obra missionária, mas foi advertido de que era muito fraco fisicamente para enfrentar a dura vida missionária. Como o Pr. …

Cristofobia? Existe? Você sabe o que é?

Pouco denunciada, a opressão violenta das minorias cristãs nos países muçulmanos é um problema cada vez mais grave AYAAN HIRSI ALI
Ayaan Hirsi Ali, de 42 anos, nasceu de uma família muçulmana na Somália e emigrou para a Holanda, onde foi parlamentar. Produziu o filme Submissão (2004), sobre a repressão às mulheres no mundo islâmico. É pesquisadora do American Enterprise Institute SANGUE DERRAMADO Cristãos coptas, do Egito, carregam uma imagem de Jesus Cristo manchada de sangue, em ato contra a violência de extremistas islâmicos (Foto: Asmaa Waguih/Reuters)
Ouvimos falar com frequência de muçulmanos como vítimas de abuso no Ocidente e dos manifestantes da Primavera Árabe que lutam contra a tirania. Outra guerra completamente diferente está em curso – uma batalha ignorada, que tem custado milhares de vidas. Cristãos estão sendo mortos no mundo islâmico por causa de sua religião. É um genocídio crescente que deveria provocar um alarme em todo o mundo. O retrato dos muçulmanos como vítimas ou h…